.

.
ATENÇÃO: ..............................................................Este Blog tem conteúdo adulto, cenas de sexo e imagens proibidas para menores de 18 anos. Caso você não ................................................................................tenha 18 anos completo ou se ofenda com material pornográfico não continue a navegação.

sábado, 25 de julho de 2015

UTILIDADE PÚBLICA (o papo agora é sério)

esta postagem não é de putaria. é um alerta, uma informação e tem objetivo de falar sobre o delicado assunto dos riscos a saúde que corremos em viver a vida liberal


Antes burocrático, o tratamento agora ficará acessível em postos de saúde para todos aqueles que tiveram risco de contato com o vírus HIV



Por Redação 
Começou a valer, a partir desta quinta-feira (23), a distribuição gratuita da ‘pílula do dia seguinte’ contra a Aids pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A medida foi publicada no Diário Oficial da União e, a partir de agora, todos aqueles que tiveram algum tipo de contato de risco com o vírus HIV poderão ter acesso à medicação em um posto de saúde.
O tratamento – chamado de profilaxia pós-exposição – pode ser feito por profissionais de saúde que tiveram contato com o sangue de um paciente, vítimas de violência sexual ou mesmo aqueles que tiveram relações sexuais sem o uso de preservativos. A medicação, para ter eficácia, deve ser tomada no máximo em até 72 horas após a exposição ao vírus e o tratamento dura 28 dias.
O objetivo da regularização da distribuição da pílula, de acordo com o Ministério da Saúde, é ampliar o acesso. O tratamento existe desde a década de 90, mas o processo era burocrático e muitas vezes restrito aos profissionais de saúde ou às vítimas de violência sexual. Com a mudança, a medicação passa a ser distribuída em postos de saúde e unidades especializadas do SUS.
Em dezembro, um aplicativo com informações e orientações sobre os postos será lançado pelo Ministério da Saúde.

6 comentários:

  1. Pílula do dia seguinte não seria contra gravidez?
    Eu sou da área da saúde e me acidentei com pérfuro cortante, tive que tomar o coquetel durante 60 dias e fazer o exame.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amigo. Poucos sabem que existe o coquetel preventivo e agora encontramos em uma publicação de um portal famoso essa nova notícia. Ao que entendemos, está sendo liberado dois tipos de prevenção, a primeira é q que você conhece e que era restrita e agora vai ser liberada para qualquer pessoa. A segunda é a pílula do dia seguinte, porém não dose única.

      O fato é que a ciência está evoluindo neste mal e dando um passo importante na cura desta DST. Mesmo assim, o uso de preservativo é o primeiro passo de prevenção.

      Excluir
  2. Ainda não tinha ouvido falar dessa medicação, nos sempre adotamos camisinha com nossos parceiros, só um deixamos tranzar sem camisinha que nosso compadre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, é importante saber que respeitamos tudo e a todos.
      Porém não é errado dizer que não existe parceiro seguro. Por isso entendemos que o uso de preservativo é indispensável principalmente para quem vive a vida liberal no sexo.

      Excluir
  3. Qual a fonte desse informação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, a fonte está lá em cima, antes da matéria ( fonte: www.revistaforum.com.br).
      Resolvemos publicar isso depois de ter ouvido no rádio, o tema estava também em um grande e conceituado site e por fim buscamos em um mecanismo de busca da internet.

      é claro que para ter serventia ou crédito esta informação deve ser melhor pesquisada pelos interessados.

      Abraço.

      Excluir